Uma casa para receber!

Uma casa para receber!
Uma casa ao pé da serra para uma família que gosta de receber amigos no final de semana para um churrasco, reunir familiares para as grandes festas, com muito conforto e espaços sociais, de jogos e de lazer.



Toda área térrea da casa é um grande espaço social e de lazer integrando áreas externas e internas. À frente uma varanda calma e tranquila para jogar xadrez e apreciar a vista dos rochedos da serra, enquanto os fundos recebem o agito em volta da piscina e da churrasqueira com área de sol, bar e mesa de pingpong.













As áreas sociais da casa são amplas, protegidas do sol intenso, mas sempre exibindo as mais variadas vistas da natureza no entorno da casa.








Casa Urubici
ProjetoRahel Lehenbauer 

Área: 946,9m2 
Destaques: 663m² de área social de lazer 
Local: Santo Amaro da Imperatriz/SC 
Data: Janeiro de 2013


Residencial DUO: terreno estreito e muita iluminação e ventilação

Residencial DUO: terreno estreito e muita iluminação e ventilação
Terreno pequenos são sempre um desafio para a iluminação e ventilação.




As dimensões do terreno (10x25m), especialmente a largura, exigiram algumas manobras para acomodar cada uma das necessidades e vontades do casal que escolheu Sorocaba/SP, como seu local para se acomodar e relaxar.

Paletas de cores

Paletas de cores
Se um ambiente pode ser renovado 
basicamente com tinta... 
... mais fácil ainda testar as cores no momento da concepção do projeto.












Sala de Reuniões

Sala de Reuniões
Um espaço para receber parceiros, apresentar e dar cara para a marca, e comunicar seus valores.



"Quando a escola progride, tudo progride", uma frase de Martinho Lutero que revela a importância da missão da Associação Nacional das Escolas Luteranas. E partindo desse princípio e dos valores da grupo, esta sala de reuniões ganhou características únicas como:

  • um painel colorido focado no rosto de crianças, o foco do trabalho de qualquer escola. Esse painel marca aquele canto dos encontros mais informais em que se pode receber um parceiro, sentar em uma poltrona confortável, e conversar;
  • o mural de quadros comporta uma foto de cada escola associada;
  • muito espaço em estantes para lembrar em porta-retratos dos rostos daqueles que já presidiram o grupo e se dedicaram ao trabalho voluntário dessa associação.



Quarto "clean"!

Quarto "clean"!
... tranquilo, feminino e claro.




.
A moradora queria um quarto delicado, com elementos que tivessem significado especial e que ainda reservasse um espaço para uma mesa de trabalho. A primeira providência foi dividir em lados opostos do quarto a área de descanso e a área de trabalho. A claridade do ambiente era uma qualidade a ser mantida, o que foi feito com as paredes, cabeceira da cama e outros elementos brancos. Para contrastar, sem pesar ou escurecer, apenas as paredes da janela e atrás da bancada de trabalho foram pintadas de azul marinho. Em frente à cama, quadros com imagens, mensagens e versículos bíblicos, especiais para a moradora dão toque pessoal. 







.
Na área projetada como “escritório”, o móvel único tem diversos nichos, bem como bancada com espaço de sobra para o computador. Para garantir a ergonomia, foi criada uma mesa com rodinhas, que apoia o teclado e mouse. Na parede ao lado, uma área de lembretes “descontruída”, toda feita pela própria moradora, sob orientação do arquiteto. Em um dos lados da cama, o criado-mudo tradicional foi substituído por uma versão que abriga, na verdade, um porta-joias. O móvel foi desenhado pelo arquiteto especialmente para o projeto. Há ainda um espaço reservado para leitura.







.
Projeto: Rahel Lehenbauer 
Ambiente: Quarto com área de trabalho 
Metragem: 11,75m2 
Destaques: área de lembretes feita pela própria moradora 
sob orientação do arquiteto e porta-joias exclusivo 
Local: Florianópolis/SC 
Data: Setembro de 2012

A ponte, as ilhas, a cenografia

A ponte, as ilhas, a cenografia
Um pano de fundo para os palestrantes. Eles são o destaque dos eventos TEDx.










.
Eventos TED organizados independentemente (os TEDx) seguem o modelo dos Talks, em que o palestrante e seus conhecimentos recebem o destaque. A cenografia do TEDxFloripa buscou dar ambiência dentro dessa condicionante.

Perfeito para um casal de publicitários!

Perfeito para um casal de publicitários!
Saiba como é possível aproveitar bem o espaço fazendo uma cozinha integrada à sala.




.
As cozinhas americanas são áreas que integram os espaços dando mais amplitude aos ambientes. Além disso, este apartamento pequeno, adquirido por um casal de publicitários em Porto Alegre/RS, precisou de diversos móveis personalizados e feitos sob medida para cada ambiente.

Ilha alternativa na cozinha

Ilha alternativa na cozinha
Ter uma ilha na cozinha significa levar através do piso a tubulação elétrica, de gás e até de água em muitos caso. Quando isso não é possível, uma opção é o que chamo de ilha alternativa. 




Para um melhor aproveitamento do espaço com balcões em ambos os lados esta cozinha recebeu uma balcão em “L” que coloca o fogão praticamente no centro do espaço e, ao mesmo tempo, cria um balcão para refeições rápidas ou para um momento de degustação (imagem acima). 

Um armário aéreo sobre a pia também tem uma mini adega deixando os vinhos (e outras bebidas) próximos da área de refeições e de prontas para usar em drinks. Logo abaixo desse aéreo, embutido no balcão, fica uma lixeira da tramontina. 


Do outro lado da cozinha, colocamos uma boa bancada para aparelhos (batedeira, liquidificador, processador, entre outros) e para trabalho, e na lateral, uma torre com o forno embutido na altura do balcão (imagem ao lado). Acima do forno, ficou um nicho para o microondas. 


A área de refeições recebeu ao fundo um nicho para objetos de decoração da moradora (imagem ao lado), marcado por pastilhas que podem ser de porcelanato cinza claro ou de aço (mais caras). A cor vermelha nas paredes também “esquenta” o ambiente: dá um toque intenso e requintado, como também estimula os sentidos e o apetite, por isso foi usado com certa moderação e contrastando com os móveis. Da mesma forma, o piso e o forro brancos ajudam a clarear o ambiente.


Escritório dela, escritório dele.

Escritório dela, escritório dele.
Ela quer um espaço claro e agradável para estudar, ler, acessar a internet e para relaxar. Ele? Você vê aqui








Para o escritório dela, aproveitamos vários móveis que foram pintados de branco para combinar com a estação de trabalho projetada. A área projetada recebeu acabamentos claros e mais curvas tanto na bancada como nos armários (imagem ao lado). Os puxadores são simplesmente furos circulares de 5cm de diâmetro o que também permite que haja uma troca de ar - assim os livros “respiram” ao mesmo tempo que estão protegidos. 


A bancada também fica mais estreita em um pedaço para facilitar o acesso à janela, mas não é interrompida criando conexão e continuidade visual entre os dois lados (imagem ao lado). Para o teclado e mouse do computador, criei uma bancada completamente móvel e com uma cor igual ao revestimento da cadeira.


Quarto-escritório pequeno e versátil!

Quarto-escritório pequeno e versátil!
Um espaço pequeno e a necessidade de criar um escritório que funcionasse também como quatro de hóspedes. Essas eram as necessidades da moradora, que trabalha em casa tempo integral.

Acima do sofá-cama, quadros e painéis com fotos da família em diferentes épocas.



Para não dar ares de quarto no ambiente de trabalho, a cama foi projetada num estilo sofá e num tamanho levemente menor do que o padrão (foto acima), para não roubar espaço do principal uso do ambiente: o escritório. Embaixo da cama e na cabeceira ficam diversas gavetas tipo arquivo para organizar o material de trabalho (foto ao lado).
A mesa-balcão foi projetada para dar versatilidade e acomodar mais de uma pessoa com conforto. Para garantir a ergonomia, uma mesa para teclado e mouse na altura ideal, com rodinhas, como o gaveteiro, feito da mesma fórmica dos móveis (foto ao lado).

Para iluminar o ambiente pequeno e quebrar o excesso de branco, optou-se por pintar de amarelo (foto abaixo) a parede entre a mesa e a prateleira de livros. Já na parede oposta sugeri painéis de fotos da família, feitos com molduras prontas, o que também permite que as fotos sejam substituídas de tempos em tempos.



O amarelo é também uma cor estimulante para um bom ambiente de trabalho.




fotos Carolina Strelow

Closet na medida certa!

Closet na medida certa!

O desejo de criar um closet nem sempre implica em construção ou projetos de alto custo. 





No caso dessa suíte, utilizei duas paredes do próprio quarto, criando apenas uma parede extra, em MDF (Medium-density fiberboard), que, para quem entra no quarto, parece de alvenaria.

A parede ao fundo do closet foi pintada de amarelo 
(foto acima), para dar mais cor e luminosidade. Nesta parede foram instalados duas araras para todos os cabides. Nas partes lareais, o closet tem gavetas, sapateira e diversos nichos, tanto para roupas e bolsas, como para roupa de cama (foto ao lado). Na parte superior há espaço de sobra para todas as malas da moradora, que adora viajar.
As portas de correr suspensas foram instaladas em painel planejado também para receber o ar condicionado split.

A cama foi projetada para um colchão queen size, e tem rodinhas embutidas, para facilitar a movimentação, quando necessário. Como a ideia era criar uma cama alta, ela abriga ainda uma cama de solteiro com rodinhas e dois gavetões, que não deixam vestígios quando não estão em uso (foto ao lado). Todo o quarto foi pensado para potencializar o espaço sem perder a sensação de aconchego.

Sugeri ainda alguns dos acessórios do quarto, como os criados-mudos, um amarelo de metal e vidro (feito sob encomenda) e outro de madeira, no estilo bandeja, com mais espaço para os livros de cabeceira. Ainda, o azul escolhido para as duas maiores paredes favorece a sensação de tranquilidade.







fotos Carolina Strelow

Cozinha, o coração da casa

Cozinha, o coração da casa
Quem gosta de cozinhar concorda que a cozinha é o coração da casa.
Com a demolição da parede entre a cozinha e a área de serviço foi possível integrar a copa com a cozinha.
Temperos sempre à mão
    
A moradora do apartamento não queria uma cozinha americana, mas queria mais integração (foto acima) entre os ambientes e um espaço para refeições. Aproveitando a enorme área de serviço – vantagem de um apartamento bem antigo – criei uma copa, aberta para a cozinha e com passagem sem porta para a sala.

Outro pedido da moradora foi espaço para todas as especiarias (foto ao lado) e para alguns de seus livros de gastronomia. Para os temperos, foi projetada uma longa prateleira, ao longo de todo balcão da pia, que abriga também iluminação embutida. Já os livros ganharam espaço no balcão que faz divisória com a nova copa.

Também na copa, um antigo móvel da família ganhou rodinhas embutidas e revestimento na mesma fórmica dos móveis projetados para a cozinha, servindo de aparador. O vermelho da parede e o trabalho com gesso garantiram individualidade ao ambiente.

Foram feitas ainda duas aberturas com cortinas de vidro pivotante, permitindo não só mais
luminosidade, como também ventilação.

Ao invés de construir uma nova parede entre a cozinha e a área de serviço, optou-se por uma
porta de correr, de vidro, com aplicação de película (foto abaixo) que corta parcialmente a visão, mas deixa passar toda luminosidade, além de garantir excelente ventilação.









Fotos de Carolina Strelow

O que é importante para você?

Por que faz diferença o ambiente em que vivemos? Por que queremos espaços, mobílias e cores, que possamos descrever como belos? De certa forma, ser arquiteto é tentar responder a essas perguntas

(seguir lendo)

  • projeto-arquitetura-1
  • projeto-arquitetura-2
  • projeto-arquitetura-3
  • projeto-arquitetura-3
  • projeto-arquitetura-4
contato@rahel.com.br
48 99963 3662